Subscrever Notícias

Acessibilidade

Limitações na disponibilidade do medicamento contendo tocilizumab, 162 mg/0.9 ml, para administração subcutânea

Imprimir

Acessibilidade

20 jul 2021

Para: Divulgação geral

Circular Informativa n.º 087/CD/100.20.200 de 19/07/2021

O medicamento contendo tocilizumab, 162 mg/0.9 ml, solução injetável em caneta ou seringa pré-cheia, para administração subcutânea (Roactemra), irá sofrer dificuldades de abastecimento entre julho e dezembro de 2021, devido ao aumento da utilização desta substância ativa.

Nestas apresentações, o medicamento está indicado e financiado para o tratamento da artrite reumatóide, encontrando-se em vigor um Programa de Acesso Precoce (PAP) no âmbito de autorizações de utilização excecional para a arterite das células gigantes1.

Para garantir o acesso ao medicamento pelos doentes que não disponham de alternativas, é essencial a gestão criteriosa dos stocks disponíveis.

Assim, recomenda-se que a prescrição destes medicamentos seja reservada à continuação de tratamentos, devendo a decisão clínica de início de tratamento ser contextualizada em ausência de alternativas no arsenal terapêutico disponível (aplicável, por exemplo, aos doentes passíveis de serem enquadrados no PAP em vigor para a arterite das células gigantes).

Relativamente à dispensa, recomenda-se que sejam apenas cedidas as quantidades necessárias para um mês de tratamento.

Caso seja necessária a alteração da terapêutica instituída, recomenda-se a consulta ao documento Medicamentos Biológicos utilizados em doenças reumáticas, psoríase e doença inflamatória intestinal - Linhas de tratamento e alternativas terapêuticas da Comissão Nacional de Farmácia e Terapêutica.

O Infarmed está a acompanhar a situação e continuará, em conjunto com a empresa responsável pela comercialização deste medicamento2, a disponibilizar informação atualizada sobre este assunto.

O Presidente do Conselho Diretivo

 

1PAP para doentes adultos com Arterite das Células Gigantes refratários à terapêutica instituída

2Carta divulgada aos profissionais de saúde pela Roche Farmacêutica Química, Lda.

Alertas_Notícias_linha de produção